02 de julho: Dia do hospital

O dia do hospital é comemorado nessa data devido a fundação da Santa Casa de Misericórdia, em Santos, um dos maiores hospitais do Brasil, no ano de 1945. O objetivo de essa data ser instituída é para homenagear e valorizar os profissionais que dedicam grande parte de suas vidas para trabalhar em hospitais zelando pela vida e bem-estar de outras pessoas.
 
Todos sabem que a rotina de um ambiente hospitalar é agitada e cheia de imprevistos. Dessa forma, exige profissionais dedicados e qualificados a exercer suas funções com qualidade e ética, entre eles estão médicos, enfermeiros, radiologistas, terapeutas, psicólogos, entre outros.
 
Infelizmente, a saúde é um pouco deixada de lado em algumas situações pelos governantes. É comum vermos noticiários de hospitais precários e sem estrutura o que acaba prejudicando a saúde ou recuperação de milhares de brasileiros. O problema está na aplicação de políticas públicas e leis que melhorem a qualidade dos serviços de saúde e apoio aos profissionais. Vale lembrar que para que isso aconteça, cabe a população também exercer o seu papel, exigindo melhorias e fiscalizando as ações dos políticos que a sociedade mesmo escolheu, cobrando promessas de melhores condições na área da saúde.

Inverno: cuidados com a saúde são essenciais

A época mais fria do ano está chegando e os cuidados com a saúde devem ser maiores e devemos dar muita atenção a essa mudança de clima. As doenças respiratórias e a pressão arterial podem se agravar, e os cuidados são uma forma de prevenção para garantir o bem-estar dessa estação.

 

Com a diminuição da umidade relativa do ar, ventos frios e principalmente a queda da temperatura podem causar vários incômodos para o nosso corpo, causando os desagradáveis resfriados, gripes e alguns tipos de alergia. Muitas vezes, são os nossos hábitos de inverno que podem agravar a situação das doenças, tais como manter-se em lugares fechados com mais pessoas durante bastante tempo, expor-se a uma temperatura mais baixa subitamente, entre outros.

 

Muitas pessoas desconhecem, mas o inverno oferece riscos como o enfarte, e a explicação para isso é por que os vasos sanguíneos sofrem um estreitamento com a queda das temperaturas, o que pode sobrecarregar o coração. Já os resfriados que atingem uma grande parte da população são decorrentes das mudanças bruscas de temperatura e a falta de cuidados básicos como agasalhar bem, por que apesar de aparentemente inofensivos, essas doenças podem encaminhar o indivíduo para um quadro de pneumonia entre outras doenças mais graves.

 

Por isso, o Pesquisa Saúde listou algumas dicas práticas e que irão lhe ajudar a passar o inverno sem se render ao mal-estar:

 

- Agasalhe-se, por mais óbvia que seja essa dica, muitas pessoas insistem em desafiar o corpo, que deve se manter aquecido;

 

- Evite lugares fechados com um grande aglomerado de pessoas;

 

- Evitar a exposição prolongada em ambientes aquecidos artificialmente;

 

- Evite banhos prolongados na água muito quente, para evitar o ressecamento da pele;

 

- Mantenha uma alimentação saudável e não tenha preguiça de praticar exercícios.

 

Dia Internacional de Luta pela Saúde da Mulher e Dia nacional de redução da morte materna

Nesse dia 28 de maio, duas datas muito importante para a saúde e para as mulheres são criadas com o objetivo de conscientizar, apoiar e lutar pelos direitos delas. Mais do que uma homenagem, esse dia deve ser lembrado visando a qualidade de vida das mulheres.

 

O dia internacional de luta pela saúde da mulher foi instituído pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para conscientizar e apoiar países que muitas vezes têm uma grande parcela da população de mulheres que vivem sem apoio as mulheres. Com o objetivo de engajar toda a sociedade e proporcionar o desenvolvimento na área da saúde, esse dia age como uma forma de apoiar todas as mulheres do mundo, melhorando o sistema de saúde precário, reduzindo as mortes e garantindo o bem-estar das mulheres.

 

O dia nacional de redução da morte materna que também é lembrada neste dia, tem como objetivo, assim como a luta pela saúde da mulher, agir na sociedade de forma consciente e principalmente visar a melhoria na área da saúde. As mortes consideradas maternas são aquelas que acontecem devido a complicações da gestação, no parto ou até 42 dias depois do término da gravidez.

 

Os dados de mortalidade materna no Brasil sempre foram preocupantes, e para diminuir esses números o Ministério da Saúde realizou ainda o Pacto Nacional pela Redução da Mortalidade Materna e Neonatal. Entre as ações realizadas estão o planejamento reprodutivo, que pode reduzir as complicações em uma gravidez indesejada e a atenção humanizada ao parto e nascimento e a qualificação de profissionais para atender às urgências e emergências obstétricas. Tais iniciativas têm como objetivo reduzir 5% dos óbitos ao ano e chegar à meta estabelecida pela Organização Mundial da Saúde, de 20 para cada 100 mil nascidos vivos em 20 anos.

 

O dia 28 reúne uma série de ações de conscientização e apoio às mulheres, realizadas pelas diversas organizações em todo o Brasil e o mundo.

Dia internacional da Cruz Vermelha

A cruz vermelha é uma entidade internacional existente em diversos lugares por todo o mundo, sendo seu objetivo principal levar assistência a população desamparada e que necessite de ajuda com a saúde, ou seja, feridos, refugiados, enfermos, prisioneiros e até mesmo na área social. Sem fins lucrativos, ela atua de maneira solidária e dedicada a ajudar os necessitados, com objetivo de proporcionar o bem-estar e desenvolvimento dessas pessoas.

 

A data escolhida para ser comemorado o dia da Cruz Vermelha, neste dia 08 de maio, é recorrente ao nascimento de Henri Dunant, que foi o homem responsável pela ideia da Cruz Vermelha, fazendo parte e acompanhando sua criação e consolidação, resultando-lhe o primeiro Prêmio Nobel da Paz, em 1901.

 

Formada internacionalmente, mas com sua sede original na Suíça, a Cruz Vermelha está em 171 países e é formada por um Comitê Internacional e uma Liga das Sociedades. A Cruz Vermelha vem desenvolvendo belos trabalhos desde sua criação por todo o mundo, fornecendo sempre apoio e ajuda a quem precisa voluntariamente.

 

Aqui no Brasil a Cruz Vermelha foi fundada em 1908, com sede no Rio de Janeiro, e tornou-se reconhecida pelo Comitê Internacional da Cruz Vermelha em 1912, e em todos esses anos vem auxiliando brasileiros na busca pelo bem-estar. Para conhecer melhor esse trabalho de dedicação e amor, entre no site oficial brasileiro e seja um voluntário. http://www.cruzvermelha.org.br/.

Dia mundial da saúde – 07 de abril

 Saúde. Algo que muitos almejam e buscam-na através das mais variadas formas. O dia mundial da saúde foi criado em 1948, pela Organização Mundial de Saúde (OMS), com o intuito de alertar e conscientizar as pessoas que as vezes deixam de cuidar dos seus hábitos regularmente e acabam adoecendo. Além da preocupação em apoiar pessoas em todo mundo para que vivam de forma saudável.

 

O bem estar das pessoas é essencial para viver feliz e tranqüilo, por que ser uma pessoa saudável não apenas estar livre de doenças, mas sim, estar bem fisicamente, mentalmente, com o corpo e a mente em harmonia.

 

Devemos fazer nossa parte ao adotar hábitos saudáveis como uma alimentação balanceada, exercícios físicos regulares, aproveitar nossas horas de lazer, banir a automedicação, etc. Lembrando que a saúde pública (que também é essencial) é a responsabilidade dos governantes, e deve ser tratada com seriedade e responsabilidade, sabendo distribuir corretamente as verbas destinadas a hospitais, saneamento básico, tratamentos, remédios, colaboradores, etc. Cada um deve fazer sua parte de acordo com o seu papel na sociedade.

 

Anualmente o Ministério da Saúde realiza inúmeras campanhas de vacinação, conscientização e assistência para toda a sociedade, adotando medidas para melhorar a qualidade de vida dos brasileiros.

 

Então nesse dia 07 de abril, comemore o dia mundial da saúde com consciência e mantenha os hábitos saudáveis para todos os dias da sua vida, garantindo o seu bem estar e das pessoas que você convive. Pratique saúde!

 

 

Dia Mundial da Atividade Física

Hoje é um dia de celebrar, mas sem ficar parado! No dia 05 de abril comemoramos o dia mundial da atividade física, afinal aqueles sagrados 30 minutos de atividade física por dia dificilmente acontece nessa rotina agitada e sem tempo. As pessoas esquecem que se trata de algo essencial e que não deve ser deixado de lado, afinal é da saúde de seu corpo e mente que estamos falando.

 

Atualmente o sedentarismo atinge 70% da população mundial segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o que conseqüentemente faz com que as pessoas desenvolvam doenças relacionadas aos maus hábitos do dia-a-dia, como doenças cardíacas, obesidade, diabetes, etc.

 

Além de ser algo prazeroso, a prática de esportes é infinitamente cheia de benefícios. Vale lembrar que todos devem ter um acompanhamento ou avaliação de um profissional, para que não haja excessos e acabe prejudicando a saúde da pessoa.

 

Combater o sedentarismo e desfrutar das vantagens das atividades físicas é indispensável para uma vida cheia de energia e saúde. Faça a sua parte consigo mesmo! Faça um esforço, analise as possibilidades e viva com saúde.

 

 

Dia da nutrição e da saúde

No dia de hoje comemoramos uma das coisas mais importantes da nossa vida, a nossa saúde! Dessa forma, poderíamos usar este dia para reflexão sobre o nosso comportamento perante a alimentação, exercícios e cuidados com nosso corpo e nossa mente. Muitas das doenças são causadas por falhas no nosso dia-a-dia na hora de se alimentar e de se exercitar.

 

Alimentar-se é consumir os nutrientes necessários para prover energia ao corpo, e essa prática deve ser realizada na medida, sem exageros e com consciência de que tudo que ingerimos estará ajudando ou prejudicando de alguma forma o nosso organismo.

 

Todas as atividades que exercemos dependem da nossa alimentação e de como cuidamos de nossa saúde, por isso existem os profissionais tão dedicados e que nos auxiliam nessa reeducação no modo de vida, os nutricionistas, que com muito estudo e conhecimento dedicam-se a ajudar a sociedade, tornando-a cada vez mais saudável.

 

Hoje e sempre devemos criar hábitos mais saudáveis, ter consciência e buscar saúde para que possamos ter uma vida mais longa e próspera. Faça sua parte consigo mesmo!

 

 

Carnaval: Aproveite com saúde, aproveite com consciência!

Com a chegada da semana do carnaval, as pessoas já vão se animando, arrumando as malas, preparando a fantasia e… não dá pra esquecer o mais importante: a sua saúde! É, a festa do carnaval deve ser aproveitada com muita alegria, mas também cuidados que devem ser adotados por todos os foliões.

 

Pra começar, o assunto de segurança para aqueles que vão pegar a estrada. Você deve dirigir descansado, o carro revisado e acima de tudo sem estar alcoolizado. É muito importante relembrar que mesmo que você tenha tomado apenas uma cervejinha ou outra, é importante ter consciência disso! Não deixe que os números de acidentes desse feriadão aumentem, cuide-se!

 

Além disso, outro dado que assusta os brasileiros e que tem gerado várias campanhas realizadas pelo Ministério da Saúde é contra as Doenças Sexualmente Transmissíveis, que se espalham bastante nesse ritmo de festa. Devemos lembrar que a AIDS e outras doenças estão presentes em todos os lugares, porém devemos ter um cuidado especial ao relacionar-se com pessoas desconhecidas. A camisinha é indispensável na hora do sexo e deve ser presença nobre na festa, a distribuição é feita por todo o país pelo governo, não dá pra arranjar desculpa para não se cuidar.

 

Outra coisa é o exagero com as bebidas alcoólicas. Fique de olho, beba com moderação e não esqueça: mantenha-se hidratado e bem alimentado, aproveitando cada momento do carnaval, faça pausas, seu organismo (desacostumado) agradece!

 

Então é isso. Anotou as dicas? Aproveite com moderação e tenha um carnaval inesquecível. E pra quem vai ficar em casa o Pesquisa Saúde deseja um ótimo feriado de descanso!

 

 

04 de janeiro – Dia do hemofílico

Você conhece a hemofilia? É um tipo de doença genético-hereditária que é caracterizada pela desordem no mecanismo de coagulação do sangue e manifesta-se em grande parte no sexo masculino. O gene que causa a hemofilia é transmitido pelo par de cromossomos sexuais XX. O fato é que as mulheres não desenvolvem a doença em si, porém podem ser portadoras do defeito, e dessa forma é no filho do sexo masculino é que pode manifestar a doença.

 

Essa enfermidade é percebida por sintomas claros como: sangramento excessivo, dor forte, aumento da temperatura e restrição dos movimentos, principalmente joelho, tornozelo e cotovelo.  Esses sangramentos que ocorrem, geralmente aparecem em forma de manchas roxas devido a pequenas batidas ainda quando bebê ou criança.

 

É por isso que no dia 04 de janeiro comemoramos o dia do Hemofílico, que além de apoiar as pessoas que possuem a doença, serve como alerta para as pessoas e principalmente para os pais, visando assim que estejam conscientes e atentos aos sintomas, evitando que a doença se desenvolva cada vez mais.

 

Um agradecimento especial a você!

O blog do Pesquisa Saúde encerra este ano com sentimento de dever cumprido, passando a vocês um pouco do nosso conhecimento, dicas e informações da área da saúde. E partimos para 2012 com muita garra e vontade de evoluir. Queremos agradecer a todos os leitores que nos acompanharam neste ano e aos cadastrados do pesquisasaude.com, que juntos estão escrevendo esta história conosco.

 

A importância de valorizar a saúde da sociedade é nossa prioridade, além de visar o bem-estar das pessoas, queremos fazer presença com dicas, novidades e informações. Desejamos que todos os que nos acompanharam em 2011, tenham um fim de ano maravilhoso, e que o início do ano que vem comece renovado e com muita esperança, de que juntos podemos fazer um Brasil mais consciente e mais saudável!

 

Muito Obrigado e Boas Festas!

Equipe do Pesquisa Saúde.